Subscribe:

segunda-feira, 18 de junho de 2018

Agripino e Felipe Maia comandam evento em João Câmara para apresentar o pré-candidato ao governo, Carlos Eduardo

O senador José Agripino Maia e o deputado Felipe Maia (DEM) comandaram o encontro político em João Câmara neste final de semana, para apresentar o ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT) como pré-candidato a governador.

A chapa completa – Carlos, Agripino e Garibaldi – foi recebida pelas lideranças democratas do município como o prefeito cassado Maurício Caetano e o prefeito eleito no pleito suplementar, Manoel Bernardo e a vice Aninha de Berré, todos do DEM.

Além do senador Garibaldi Filho, companharam também o prefeito de Natal, Álvaro Dias e o deputado federal Walter Alves, todos do MDB.

Presentes ainda o ex-deputado Antônio Câmara, e prefeitos Caiçara do Norte, Bento Fernandes, Rio do Fogo e Pedra Preta.

Brenno Queiroga cumpre agenda da pré-campanha no Oeste, começando por Olho d´Água

Na semana que antecede o São João, o pré-candidato a Governador pelo Solidariedade, Brenno Queiroga, estará percorrendo o interior do Rio Grande do Norte, ouvindo a população, apresentando propostas, discutindo com a sociedade os principais problemas que assolam o estado, como aliás, vem sendo feito há meses, em todas  as partes do estado, e que nesta semana passará pelo Oeste Potiguar, iniciando pela cidade de Olho d´Água do Borges, em que Brenno já fora prefeito entre 2013 e 2016.

Queiroga participará, na noite desta segunda, a parti das 19h, de encontro com simpatizantes e partidários no sítio Brejo, oportunidade em que serão discutidas várias questões programáticas e estratégicas para a campanha que se avizinha: “resolvemos iniciar nossas discussões por Olho d´Água para simbolizar que os municípios terão um papel determinante na gestão do estado, pois é onde as pessoas vivem e é lá que os serviços públicos precisam chegar com qualidade e eficiência”, destacou o jovem engenheiro e empresário.

Ao longo da semana, até a próxima sexta (22/06), Brenno fará encontros em Mossoró, Pau dos Ferros, Apodi, Caraúbas, Patu e, ao mesmo tempo, também concederá entrevistas a alguns veículos da região para mostrar alguns dos seus projetos e propostas para resgatar o Rio Grande do Norte do estado caótico em que encontra-se, administrativa e financeiramente.

Rodrigo Maia e Eunicio sempre saem pela tangente quando Temer viaja

Desde abril, sempre que o presidente Michel Temer viaja para o exterior, os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), também programam agendas fora do país. O motivo é eleitoral: Maia e Eunício não querem correr o risco de serem impedidos de disputar as eleições em outubro.

Informados pelo Palácio do Planalto da presença de Temer na reunião do Mercosul realizada nesta segunda-feira (18) no Paraguai, Maia e Eunício acertaram compromissos em Portugal e na Argentina, respectivamente.

Temer viaja para o Paraguai na segunda-feira pela manhã e retorna ao Brasil no mesmo dia à noite. Eunício e Maia têm previsão de deixarem o país já no fim de semana.

Estudo revela realidade de retenções do FPM por questões previdenciárias

O Fundo de Participação dos Municípios (FPM), principal fonte de receita de grande parte dos Municípios brasileiros, não acompanhou o crescimento dos custos das prefeituras nos últimos anos, o que justifica e acentua o quadro de crise existente em quase todos os Municípios.

Um fato relevante e preocupante para as prefeituras é a retenção do FPM, que acontece devido às dívidas previdenciárias. Para entender o cenário que os Entes municipais atravessam, a Confederação Nacional de Municípios (CNM) realizou estudo sobre as retenções ocasionadas pela dívida previdenciária municipal.

Retenções

A retenção do recurso funciona semelhante ao sistema de cheque-especial em um banco. A partir do momento que o recurso entra na conta, ele é automaticamente debitado. No que se refere aos descontos e às retenções do FPM, os valores podem ser retidos em razão da dívida previdenciária, conforme previsto no art. 3º, § 10, da Medida Provisória (MP) 2.129-6/2001.

domingo, 17 de junho de 2018

Para Tite, ansiedade atrapalhou jogadores do Brasil

O técnico da Seleção Brasileira, Tite, afirmou que a ansiedade atrapalhou o desempenho do time na estreia hoje (17), em Rostov. Para ele, os atacantes precisam ser mais “frios” na hora da finalização. “A ansiedade bateu forte. Quando apressa demais, a finalização fica imprecisa”, disse.

Nesse momento, em uma Copa do Mundo, temos que absorver quando toma um gol. Então, serve de aprendizado”, completou o treinador na coletiva de imprensa após o empate de 1 a 1 com a Suíça.
Tite evitou atrair os holofotes para o erro do árbitro, que não marcou falta em Miranda no gol da Suíça, mas afirmou que um erro como aquele “não pode acontecer em um jogo de alto nível”.

Ele também defendeu os jogadores, que reclamaram de forma tímida da falta no lance do gol. Para ele, o time não pode perder o equilíbrio emocional pressionando o árbitro. “Não tem que pressionar a arbitragem. Tem todo um processo [de arbitragem], pessoas que avaliam [os lances] e eu não posso fazer da equipe do Brasil uma equipe desequilibrada”.

Reunião do Consórcio Público Regional de Saneamento Básico do Alto Oeste Potiguar - CONSOP é realizada com grande participação dos Municípios


Realizou-se na manhã da última sexta-feira, (15/06) na Casa de Cultura Popular Joaquim Correia em Pau dos Ferros/RN, a Reunião dos Membros do Consórcio Público Regional de Saneamento Básico do Alto Oeste Potiguar - CONSOP.

Na ocasião estiveram presentes a Prefeita de Riacho da Cruz e Presidente do CONSOP, Bernadete Rêgo; Vice-presidente Thales Fernandes; o Gerente de Projetos da FUNCERN (Fundação do IFRN) Erivan Sales do Amaral; a Coordenadora de Meio Ambiente e Saneamento da SEMAR, Clara câmara;  o Técnico da SEMAR, Sério Pinheiro; Prefeitos e Vice-prefeitos da região, Secretários Municipais, Assessores de Comunicação e demais Representantes dos Municípios envolvidos no Consórcio.

A reunião teve como pauta principal a apresentação do novo projeto do Aterro Sanitário em nova área da BR 226; a Discussão da Politica Estadual de Resíduos Sólidos; o ICMS Ecológico (Imposto sobre circulação de mercadorias e serviços); o Estudo de Impacto Ambiental (EIA) e Relatório de Impacto Ambiental (RIMA); Assinatura do Termo de Rateio e demais assuntos pertinentes a reunião.

Brasil estreia na Copa e tenta transformar números e ambiente favoráveis em vitória contra Suíça

A retrospecto em estreias em Copa do Mundo favorece. Os números sob comando do técnico Tite e o desempenho em campo dão moral. A amizade do grupo e o clima familiar da preparação em Sochi trazem tranquilidade. Transformar todo este ambiente favorável  em vitória é, justamente, o maior desafio da Seleção Brasileira na estreia contra a Suíça neste domingo, às 15h (de Brasília), na Arena Rostov, em Rostov do Don, na Rússia.

É difícil encontrar um número, histórico ou atual, que não traga otimismo. Em 21 partidas sob o comando de Tite, o Brasil perdeu apenas um amistoso para a Argentina, não sofreu gols em quatro amistosos em 2018, passou por adversários como Alemanha e Croácia, marcou 47 gols e sofreu apenas cinco. O quarteto ofensivo formado por Willian (Chelsea), Philippe Coutinho (Barcelona), Neymar (PSG) e Gabriel Jesus (Manchester City) fez ótima temporada europeia e parece se entender melhor a cada jogo do Brasil.

Na defesa, Alisson superou a desconfiança sendo um dos principais jogadores da Roma na campanha de semifinal na Liga dos Campeões. O mineiro Danilo, formado pelo América, é um nome seguro defensivamente para substituir Daniel Alves e Marcelo é considerado o melhor lateral-esquerdo do mundo. Miranda é o ponto forte da defesa ao lado de Thiago Silva, que terá na Rússia a chance de se redimir de 2014, quando ficou marcado como um dos rostos da instabilidade emocional daquele time.
Casemiro é o homem de equilíbrio do meio-campo do Real Madrid, tricampeão europeu, e Paulinho marcou sete gols desde que retornou à Seleção sob comando de seu ex-treinador de Corinthians.

Um dos raros fatores que pesam contra a Seleção é a inexperiência de metade do time titular, que jamais jogou Copas. Dos 11 titulares, Alisson, Danilo, Miranda, Casemiro, Coutinho e Gabriel Jesus vão disputar o primeiro Mundial. Dos seis remanescentes de 2014, cinco são titulares: Thiago Silva, Marcelo, Paulinho, Willian e Neymar – o outro é Fernandinho, primeira opção de volante no banco, já que Fred não se recuperou totalmente do tornozelo e é a única ausência. O cenário de renovação, entretanto, segue um padrão das últimas Copas.

Do Robson Pires

DEM resiste a fechar aliança com Ciro

Para levar adiante a aproximação com o PDT de Ciro Gomes, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), terá que vencer forte resistência de seu partido e também de siglas aliadas. Maia é pré-candidato ao Planalto, mas admite que pode deixar o pleito caso entenda que outro postulante tem mais chances. A simples divulgação de que teria um encontro com Cid Gomes, irmão de Ciro, incendiou o entorno de Maia. O encontro acabou acontecendo longe das câmeras, tarde da noite, na quarta (13).

Esse cara não tem nada a ver com nosso partido. É instável e não soma nada ao DEM. Se ele [Maia] não for candidato, meu candidato é Jair Bolsonaro [PSL-RJ]”, disse Alberto Fraga (DEM-DF), líder da “bancada da bala”. A resistência a Ciro não se limita à ala mais à direita da legenda. Pesam ainda motivos como opção por outros candidatos ou resistência à verborragia do ex-governador do Ceará.

sábado, 16 de junho de 2018

Programação do São João de Olho d’Água do Borges 2018

A Prefeitura Municipal de Olho D’água do Borges divulgou na última sexta-feira (15), a programação oficial do São João “Danado de Bom” 2018, que acontecerá de 21 a 23 de junho.

A abertura oficial acontecerá no dia 21 de junho com concurso de carroças, quadrilhas e muito forró com

Rômulo Sales & Banda.
Ismael Sanfoneiro.
Augusto Silva.

A festa continua nos dias 22 e 23 com as seguintes atrações:

Dia 22 de junho:

Circuito Musical
Rodolfo Lopes
Maxson e Forró Com Ela
Dia 23 de junho:

Às 16hs, II edição do Pingo D’água com Alinye & Davyd puxado pelo Trio elétrico Du Rei.

Forró dos 3
João Bandeira
Giannini Alencar

Garibaldi participa dos festejos do Mossoró Cidade Junina

Garibaldi Filho (MDB-RN) cumpriu agenda em Mossoró – a 280 quilômetros de Natal – onde participou dos festejos do “Mossoró Cidade Junina”, nesta sexta-feira (15), quando foi encontrar amigos e correligionários do Oeste potiguar e regiões próximas.

No início da tarde, o senador se reuniu com lideranças do MDB, entre eles a presidente da Câmara de Mossoró, vereadora Izabel Montenegro, e o prefeito de Grossos, José Maurício. Ele atendeu a imprensa local e seguiu para uma visita de cortesia a prefeita da cidade, Rosalba Ciarlini, acompanhado do pré-candidato ao Governo do Estado e ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo (PDT/RN).

À noite, Garibaldi participou dos festejos do Mossoró Cidade Junina, visitando o Memorial da Resistência, ao lado também do prefeito de Natal, Álvaro Dias, da presidente da Câmara, vereadora Izabel Montenegro e do deputado federal Beto Rosado. Em seguida, ele assistiu ao espetáculo Chuva de Bala no País de Mossoró  e a apresentação do cantor Alceu Valença, na praça de eventos da Estação das Artes.

Aldo Rebelo foi aplaudido no “Fórum Fiern Caminhos do Brasil”

O pré-candidato do partido Solidariedade à Presidência da República, Aldo Rebelo, participou nesta sexta-feira, 15 de junho, do Fórum Fiern Caminhos do Brasil, realizado na Casa da Indústria, onde falou de suas propostas para o Brasil para uma plateia formada por empresários, jornalistas, convidados e público em geral. Antes, concedeu uma entrevista coletiva à imprensa.

Os pré-candidatos do Solidariedade ao Governo do Estado, Breno Queiroga, e ao Senado Federal, 
Magnólia Figueiredo, estiveram presentes ao Fórum. O presidente do partido no Rio Grande do Norte, deputado estadual Kelps Lima, compôs a mesa do cerimonial ao lado de Aldo Rebelo, do presidente da Fiern, Amaro Sales de Araújo, e demais autoridades.

Durante sua explanação, o ex-ministro Aldo Rebelo comentou sobre temas como retomada do crescimento no Brasil, desajuste fiscal, desigualdade social, investimentos públicos e privados, fez críticas ao Judiciário e citou as riquezas do Rio Grande do Norte.

O candidato do Solidariedade comentou ainda como deve ser o perfil de quem deseja ser o próximo presidente do Brasil. Segundo ele, precisa ser alguém com experiência política, firmeza para tomar decisões difíceis e que tenha capacidade de dialogar com as mais diversas correntes.

O país precisará unir forças para voltar a crescer. Posso dizer que tenho condições de unir forças amplas e heterogêneas para tentar tirar o Brasil do atoleiro”, comentou Aldo Rebelo, sendo bastante aplaudido.

Mercadinho Miragem e você juntos torcendo pelo nosso Brasil


sexta-feira, 15 de junho de 2018

Fábio Dantas tenta articular coligação para garantir projeto de reeleição de Rafael Motta

Pré-candidato a governador, com projeto reiterado a cada entrevista que concede, o vice-governador Fábio Dantas (PSB) tem conversado incansavelmente com legendas para tentar viabilizar uma coligação na proporcional federal, para garantir a candidatura à reeleição do presidente do PSB, deputado Rafael Motta.

Fábio tenta articular uma coligação independente do palanque majoritário.

Como aconteceu nas eleições de 2014, quando as coligações para governo e Senado eram uma, para deputado federal outra e para estadual mais outra.

Fábio trabalha a possibilidade de unir o PSB ao MDB do deputado Walter Alves, ao PR de João Maia e Tião Couto, ao PP de Beto Rosado, e ao PSDB do deputado Rogério Marinho.

Fábio se vale da situação complicada de Walter (MDB), que sozinho com o DEM e PDT corre risco de não se reeleger…

Mas enfrenta problema, por exemplo, em unir PP e PR, já que os grupos de Rosalba e Tião Couto são água e óleo…não se misturam…

Da Thaisa Galvão

Lava Jato deve aumentar pedidos de prisão temporária

Diante da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de proibir as conduções coercitivas de réus e de investigados, integrantes da Lava Jato já dizem que devem aumentar os pedidos de prisão temporária (com prazo de cinco dias).

Segundo esses investigadores, a condução coercitiva era utilizada justamente em substituição à prisão temporária. E, por isso, o uso do instrumento deve aumentar a partir de agora.

Nas palavras de um integrante da Operação Lava Jato, a decisão do Supremo representa um “revés”. Mas, ao mesmo tempo, não se deve dar uma importância exagerada, pois haverá um instrumento mais forte para ser utilizado em caso de necessidade.

No RN, Senado discute o Forró de Raiz Patrimônio Imaterial Cultural Nacional

A Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo (CDR) do Senado realizou nesta quinta-feira (14), na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, em Natal, mais uma etapa das audiências públicas que estão percorrendo o Brasil no intuito de debater o reconhecimento do Forró de Raiz como Patrimônio Imaterial Cultural Nacional. A CDR já discutiu o assunto em João Pessoa (PB), no Rio de Janeiro e em Brasília. O município de Parnamirim, também no RN, será o próximo a mobilizar os forrozeiros da região, mas ainda estão previstas audiências na Bahia e no Ceará.

É importante preservarmos a cultura brasileira no ponto de vista da memória para as gerações presentes e futuras. O forró pé de raiz não é uma expressão cultural popular qualquer, mas uma das expressões mais genuínas e identitárias do povo nordestino”, disse a senadora Fátima Bezerra, presidente da CDR, so iniciar os trabalhos. Ela lembrou que a iniciativa atendeu a uma reivindicação do movimento Fórum Forró Pé de Raiz, que chegou à CDR no ano passado através de sua presidente, a professora Joana Alves, que falou da preocupação dos artistas com a falta de reconhecimento e valorização da cultura do forró.

Joana parabenizou a senadora por ter “abraçado o movimento”. Ela rememorou o histórico da luta e de mobilização do Fórum pela inclusão do forró como Patrimônio Imaterial da Cultura Brasileira. Ao explicar as condições de atendimento do pleito, o coordenador de projetos do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN, Deyvesson Israel Alves, ressaltou que, para isso, o órgão precisa de recursos financeiros para fazer estudos e análises. “Infelizmente não dispomos desses valores”.

quinta-feira, 14 de junho de 2018

Bancada potiguar solicita liberação de recursos para Instituto de Medicina Tropical e Núcleo Genômica da UFRN

Ontem quarta-feira (13), em audiência com o Ministro da Saúde, Gilberto Occhi, parlamentares da bancada potiguar, representantes da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e o Presidente da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), Kleber Morais, solicitaram a liberação de recursos financeiros para aquisição de novos equipamentos e ampliação das instalações do Instituto de Medicina Tropical (IMT) e do Núcleo Genômica da Universidade.

De acordo com o coordenador da bancada federal, deputado federal Felipe Maia (DEM), presente ao encontro, o ministro irá analisar o pleito junto ao corpo técnico do órgão. “O ministro garantiu analisar os pleitos junto a equipe técnica do Ministério para saber a viabilidade desses repasses ao nosso estado. A bancada irá acompanhar de perto este pleito de imensa importância para a população potiguar, que terá mais acesso a serviços de saúde de qualidade”, afirmou o parlamentar.

Segundo Felipe Maia, a UFRN necessita da liberação de cerca R$ 16 milhões em recursos financeiros para o desenvolvimento do Instituto e do Núcleo Genômica.“Estes recursos serão para adquirir novos equipamentos para a prestação de serviços de atendimento, ampliação das instalações para agregar mais pesquisadores que executem atividades de levantamento epidemiológico e diagnósticos, melhorando assim o funcionamento das rotinas laboratoriais”, enfatizou o deputado.

Também estiveram presentes na audiência os deputados federais Rafael Motta (PSB), Walter Alves (MDB) e Zenaide Maia (PHS), os senadores Garibaldi Alves Filho (MDB) e José Agripino Maia (DEM), o vice-reitor da UFRN, Daniel José Diniz e a professora da UFRN, Selma Jerônimo.

PF diz que Temer avalizou compra do silêncio de Cunha

No relatório final da Operação Cui Bono, que investiga irregularidades na Caixa Econômica Federal, a Polícia Federal (PF) ressaltou o envolvimento do presidente Michel Temer na tentativa de compra de silêncio do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha e do operador Lúcio Funaro.

A acusação é baseada na delação premiada do empresário Joesley Batista, da J&F, revelada com exclusividade pelo colunista Lauro Jardim, do GLOBO, em maio de 2017. Joesley gravou uma conversa com Temer no Palácio do Jaburu, em que o presidente, ao ouvir que o empresário estava “de bem” com Cunha, responde: “Tem que manter isso aí, viu?”.

quarta-feira, 13 de junho de 2018

Assembleia Legislativa aprova contas de 2016 do governador Robinson Faria

O plenário da Assembleia Legislativa aprovou na sessão desta quarta-feira, 13, as contas de gestão referentes ao ano de 2016, do governador Robinson Faria (PSD). A aprovação ocorreu com 18 votos favoráveis, contra apenas três contrários e uma abstenção. Com a decisão, Robinson Faria elimina a possibilidade de não ser candidato a reeleição neste ano.

Isso porque o Tribunal de Contas do Estado (TCE) havia apresentado um relatório favorável a rejeição das contas de 2016 por uma série de irregularidades apontadas pelo órgão fiscalizador e caso essas contas fosse rejeitadas também pelo plenário, o governador poderia se tornar um “ficha suja” e não poder disputar a reeleição.

Contudo, segundo o governo do estado, em apresentação de explicações enviadas à Assembleia, os erros apontados pelo TCE foram meras formalidades, inclusive, presentes em outras prestações de contas de anos anteriores, do próprio Robinson Faria, e de ex-governadores, como Rosalba Ciarlini (PP). Por isso, a Comissão de Finanças já havia revertido o parecer no relatório do deputado estadual José Dias (PSDB), que foi favorável a aprovação da prestação de contas.

Denúncia contra Agripino pode abrir vaga na chapa de Carlos

A denúncia contra o senador José Agripino (DEM) por 3 x 2 pode no Supremo Tribunal Federal (STF) pode abrir a vaga que faltava para o PSDB na chapa majoritária encabeçada pelo ex-prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT), deixando o “vácuo” para Geraldo Melo (PSDB).

Do Robson Pires

terça-feira, 12 de junho de 2018

Projeto que trata de antecipação dos royalties está pronto para votação final

O Projeto de Lei que autoriza o Executivo a ceder às instituições financeiras, públicas, créditos decorrentes de royalties e participações especiais, relacionados à exploração de petróleo e gás natural e autoriza a substituição da fonte de recursos para a constituição de garantia de contraprestação do Fundo Garantidor das Parcerias Público Privadas está pronto para votação final no plenário da Assembleia Legislativa.

A emenda apresentada pelo deputado Mineiro Lula (PT) encartada na Comissão de Finanças e Fiscalização (CFF) foi aprovada, por unanimidade, na reunião da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) realizada na manhã desta terça-feira (12). Com a emenda, os recursos estimados em R$ 162 milhões serão aplicados, exclusivamente para pagamento de pessoal.

“A emenda do deputado Mineiro que foi encartada na Comissão de Finanças remete todos os recursos para o sistema previdenciário para que o Estado possa pagar os salários dos servidores que estão em atraso. Atualmente o déficit mensal da folha de pagamento de pessoal é na ordem de R$ 137 milhões. A emenda foi aprovada por unanimidade”, destacou o deputado Dison Lisboa (PSD), presidente da CCJ.

Na pauta da reunião foram discutidas e votadas 16 matérias, sendo quinze aprovadas e uma considerada inadmissível pela Comissão de Constituição e Justiça.

Participaram da reunião os deputados Dison Lisboa, Larissa Rosado (PSDB), George Soares (PR), Galeno Torquato (PSD), Albert Dickson (PROS) e Nelter Queiroz (MDB).

O presidente da Comissão, deputado Dison Lisboa convocou uma sessão extraordinária para a quarta-feira (13) para sabatina com Maria do Socorro Ferreira indicada pelo Governo do Estado para diretoria autárquica da Agência Reguladora dos Serviços Públicos (ARSEP).